Blog

3 passos para deixar o marketing digital mais pessoal

25 de Maio de 2015


Share

300x180---Dica-2-3-passos-para-deixar-o-marketing-digital-mais-pessoal---Michelle

Veja como é possível personalizar as campanhas e atender as preferências dos mais diferentes consumidores

O usuário atualmente quer uma comunicação consistente em todos os canais que utiliza e com mensagens personalizadas de acordo com os seus interesses. Isso exige bastante dos profissionais de marketing digital, que têm um item obrigatório para investimentos em campanhas online: a personalização. Uma estimativa da Experian Marketing Services mostra que três em cada quatro organizações dos EUA já investem ou pretendem investir neste conceito. Para isso, é preciso ter bons dados sobre o comportamento do público-alvo, como preferências (time de futebol, música que gosta, hábitos de compra) e região onde mora. Mas como é possível potencializar as mensagens e deixá-las mais relevantes? Confira nestes três itens:

1. Unifique os dados – estimativas mostram que as empresas operam, em média, com seis diferentes bancos de dados, o que dificulta a construção de uma visão única do cliente. O ideal é consolidar todas as informações em um mesmo sistema.

2. Colete dados adicionais – informações diretas dos usuários são fáceis de obter, porém nem sempre trazem o que a empresa precisa. Por isso, 88% das companhias compram dados de terceiros para complementar o perfil do público-alvo, de acordo com pesquisa da Experian Marketing Services.

3. Preze pela qualidade – ter muitos dados é bom, mas lembre-se que quantidade não é qualidade. No mesmo estudo da Experian, profissionais norte-americanos acreditam que um quarto da informação presente nas corporações é imprecisa. Para reduzir este índice o ideal é padronizar e validar a informação logo após a coleta.







Anterior